Reação a caso Moro revela real caráter do brasileiro

Resultados de pesquisa mostram que, se tem uma lei que o brasileiro respeita, é a da hipocrisia

Mais de 70% dos brasileiros sabem das conversas entre Moro e Dallagnol, divulgadas pelo site Intercept. 58% deles reconhecem que é incorreto um juiz interagir com a acusação ou a defesa de um réu. Mesmo assim, 50,4% dos entrevistados apoiam e respeitam o ex-juiz da Lava Jato. 

É claro que Moro não passou incólume pelo episódio. Em maio, sua imagem era positiva para 60% dos entrevistados.  Mesmo assim, ele ainda é o político mais respeitado do país, diz a pesquisa Atlas, divulgada pelo portal brasileiro do jornal El País. 

Os resultados da pesquisa mostram que se tem uma lei que o brasileiro respeita, é a da hipocrisia. Sabemos que o troço está errado, mas aceitamos porque atende a nossos interesses. Exigimos uma correção e uma coerência dos políticos que nós próprios não temos . A disposição de atropelar a ética ou as regras de convivência parece ser um traço cultural do brasileiro. Para nós, os fins justificam os meios, esquecendo-nos de que esses mesmos meios podem se voltar contra os nossos fins.

O levantamento foi feito on line com 2 mil pessoas em todo o país.

 

A Mosqueteira é a musa dos novos inconfidentes e guardiã de todas as inconfidências [ Ver todas as publicações ]

Comentários

There is 1 comment for this article
  1. Carlos Augusto Cesar de Oliveira 15 de junho de 2019 22:33

    “Os resultados da pesquisa mostram que se tem uma lei que o brasileiro respeita, é a da hipocrisia. Sabemos que o troço está errado, mas aceitamos porque atende a nossos interesses. Exigimos uma correção e uma coerência dos políticos que nós próprios não temos . A disposição de atropelar a ética ou as regras de convivência parece ser um traço cultural do brasileiro. Para nós, os fins justificam os meios, esquecendo-nos de que esses mesmos meios podem se voltar contra os nossos fins.”

    Parece conversa de petralha se olhando no espelho… Deve ser por isso que a esquerda defende até o fim os seus criminosos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ir Para o TOPO