Lista de deputado aponta 58 tucanos no governo mineiro

Elaborada por um ex-filiado, listagem mostra o enorme peso do PSDB na administração do Novo

Segundo o deputado João Vítor Xavier, um ex-tucano recém filiado ao Cidadania, existem 58 pessoas no alto escalão do governo Zema que são vinculados ao PSDB. Em tom de crítica, o parlamentar mostrou na tribuna do Plenário da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (04/07) uma lista contento os supostos filiados ao PSDB que estão no Executivo. Os tucanos estariam nomeados em secretarias técnicas como Fazenda e Planejamento.

“O povo elegeu o Novo, mas quem governa é o PSDB. O que eu questiono é o fato de o governador não ter dado transparência a essa questão”, destacou João Vítor. Já outros deputados na Assembleia avaliaram que o objetivo de João é desgastar o seu ex-partido. “Ele está é com ‘dor cotovelo’ porque o partido não apoiou os planos dele de disputar a prefeitura de Belo Horizonte”, acusou um tucano. Os governistas alegam que os nomes mostrados por João Vítor são servidores efetivos. 

De todo modo, a lista de Xavier lança luz sobre a importância do papel assumido pelo PSDB no governo do Novo, fornecendo quadros para postos chaves na administração. Os tucanos têm sido fundamentais para a governabilidade de Zema. Diante da lista de 68 nomes, que pode ser correta, é de e indagar se o governo novista se  sustentaria se não tucanasse.

Mas, forçoso dizermos, tucanagem não é sacanagem. Zema tem todo o direito de nomear tucanos e estes  de integrar o governo. Até onde se pode enxergar, não há nada ilegal, antidemocrático ou não republicano nas relações entre o governador do Novo e os membros do PSDB

A Mosqueteira é a musa dos novos inconfidentes e guardiã de todas as inconfidências [ Ver todas as publicações ]

Comentários

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ir Para o TOPO